até
sexta-feira, 11 de outubro de 2019
Produção de mel no semiárido é tema de seminário de apicultura no Norte de Minas
Cecília Oliveira, de Montes Claros

Montes Claros recebeu o 16º Seminário de Apicultura do Norte de Minas, com a participação de cerca de 500 apicultores vindos de toda a região Norte, do Vale do Jequitinhonha e de outras regiões e até de outros Estados, como Bahia e Piauí. A proposta do evento foi debater com os produtores questões relacionadas à sustentabilidade e avanços da cadeia produtiva apícola no Norte de Minas.

Os temas das palestras foram: “Ocorrências de Envenenamento de Abelhas”, ministrada pela professora Generosa Ribeiro, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB); Segurança do Trabalho na Apicultura, pelo consultor Carlos Gurgel; o consultor Robson Raad falou sobre “Riscos à Apicultura do Norte de Minas” e o professor Laurielson Chaves Alencar, da Universidade Federal do Piauí (UFP), proferiu palestra sobre as “Medidas para se Evitar Perda de Enxames no Semiárido”.

O 16º Seminário da Apicultura foi uma realização da Codevasf e contou com parcerias do Sistema Faemg/Senar Minas, Sebrae, Emater e Coopemap. Estiveram presentes ao evento instrutores do Senar Minas de treinamentos de Apicultura e do Programa de Assistência Técnica Gerencial - ATeG: Ancelmo Freire de Almeida, Júlio César Pereira, Sérgio Rheingantz Silveira e Gláucio Gurgel Spínola (na foto abaixo) representou o Senar na Mesa de honra.

Participaram apicultores integrantes do Programa ATeG  dos municípios de Bocaiuva, Brasília de Minas, Montes Claros e São João da Ponte, onde o programa está sendo desenvolvido. Da região de São João da Ponte, vieram 32 produtores, dentre eles, Wilson Mendes de Brito e João Versiane Quaresma, da comunidade de Boa Vista. Disseram que gostaram muito do evento, pois, trocaram experiências com apicultores de outras regiões, conheceram produtos fabricados a base de mel e tiveram novos conhecimentos sobre a criação de abelhas e produção de mel e derivados.  

Segundo o instrutor Gláucio Spínola, foi muito importante receber praticamente todos os apicultores vinculados ao Programa ATeG  no seminário. “A participação dos assistidos pelo programa é uma sequência do que estão aprendendo nas visitas técnicas. Os conhecimentos são um complemento para que o trabalho em seus apiários os tornem mais produtivos. Os assuntos e temas apresentados foram dentro da realidade da nossa região. Com práticas e manejos adequados para o semiárido”.

“Estamos atravessando um momento difícil, com baixos preços do mel somado a instabilidade das chuvas. Acho primordial que seminários como este unam os apicultores para juntos atravessarmos estes momentos, mostrando caminhos e soluções para a rentabilidade da apicultura norte-mineira”, acrescentou o instrutor.

Produção Regional

Hoje a apicultura envolve em toda a sua cadeia de produção cerca de 1,4 mil famílias em todo o Norte de Minas, distribuídas em mais de 25 associações comunitárias. Esses apicultores reunidos produzem aproximadamente 1.000 toneladas de mel por ano, que são comercializadas para os mercados nacional e internacional e resultam em renda de aproximadamente R$ 10 milhões. São números considerados muito satisfatórios em razão de serem da agricultura familiar, em uma das regiões que mais sofrem com as longas estiagens, notadamente nos últimos anos.

Capacitação de mão de obra

Este ano o Sistema Faemg/Senar Minas realizou no Norte de Minas, além do Programa de Assistência Técnica Gerencial - ATeG, 33 treinamentos nas áreas de Manejo de Abelhas e Processamento de Mel e Cera, Criação e Manejo de Abelhas Indígenas sem Ferrão, Produção de Própolis e Produção de Geleia Real e Rainhas, com a capacitação de 396 produtores.

Últimas notícias publicadas
19/10/2020 Curso promove construção de Fossa Séptica Ecológica
19/10/2020 Jovens destacam importância dos cursos de Equitação e Doma Racional
19/10/2020 Após um ano da realização do curso de recuperação de nascentes, produtor comemora água saindo da mina
16/10/2020 Benefícios da palma forrageira na alimentação bovina
16/10/2020 Curso em Olímpio Noronha orienta sobre saúde e atenção ao idoso
16/10/2020 Treinamento aborda saúde e empoderamento feminino em Campos Altos
16/10/2020 ATeG Café: produtores do Sul de Minas enviam amostras para o Cupping do SENAR
16/10/2020 Curso de Guindauto Munck é promovido em São Domingos das Dores
16/10/2020 Mobilizadores empenham-se para aplicar pesquisa do Sistema FAEMG
15/10/2020 ATeG leva novas possibilidades a cafeicultores de Eugenópolis e Pedra Dourada
Ver todas
FAEMG
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3000
E-mail: faemg@faemg.org.br
Senar Minas
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3074
E-mail: senar@senarminas.org.br
INAES
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3109
E-mail: inaes@inaes.org.br
Sindicatos
Avenida do Contorno, 1.771 - Floresta
Belo Horizonte – 30.110-005
Fone: (31) 3074-3028
E-mail: asind@faemg.org.br