Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Meio Ambiente

Acesse informações técnicas sobre a gestão ambiental na atividade agropecuária em Minas Gerais.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Enquadramento Afluentes do Alto São Francisco

REUNIÃO SETORIAL
ESCRITO POR ASCOM
16/09/2021 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, FAEMG

Será realizada, em 20 de setembro de 2021, às 14h, a REUNIÃO SETORIAL para o enquadramento dos Corpos de Água da Bacia Hidrográfica dos Afluentes do Alto São Francisco, com os representantes da INDÚSTRIA, MINERAÇÃO E AGROPECUÁRIA. 

A Bacia Hidrográfica dos Afluentes do Alto São Francisco tem área de 14.151 Km², e engloba 29 municípios, sendo 20 desses com sede dentro da bacia: Abaeté, Arcos, Bambuí, Bom Despacho, Campos Altos, Capitólio, Córrego Danta, Córrego Fundo, Dores do Indaiá, Doresópolis, Estrela do Indaiá, Formiga, Iguatama, Japaraíba, Lagoa da Prata, Luz, Martinho Campos, Medeiros, Moema, Pains, Pimenta, Piumhi, Pratinha, Quartel Geral, Santo Antônio do Monte, São Roque de Minas, Serra da Saudade, Tapiraí e Vargem Bonita.

O objetivo é levantar contribuições sobre os usos pretendidos para as águas da bacia hidrográfica, nos dias atuais e no futuro, qual a meta de qualidade desejada e as estimativas de custos para alcançá-la. As sugestões apresentadas serão avaliadas e incorporadas no relatório do Programa Preliminar para a Efetivação do Enquadramento.


Link para participar da reunião: https://meet.google.com/tyy-kfjq-jzh


“É de suma importância que os produtores rurais participem e se posicionem,  pois, o enquadramento dos corpos d’água é um importante instrumento de gestão de recursos hídricos, podendo inclusive limitar o uso de água em determinados trechos da bacia hidrográfica”. 

Guilherme Oliveira – Analista – Sistema FAEMG - GMAM