Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe


Aprendizado e inovação para mais de 100 pessoas em Congonhal

DIA DE CAMPO ATEG
ESCRITO POR KAROLINE SABINO, DE VARGINHA
03/05/2024 . SINDICATOS, SENAR

Mais de 100 pessoas participaram do primeiro Dia de Campo do Programa de Assistência Técnica e Gerencial ATeG - Café+Forte no sítio Cachoeirinha, em Congonhal. Os produtores tiveram a oportunidade de aprender mais sobre diversos temas fundamentais para a otimização da produção de café. O gerente regional do Sistema Faemg Senar em Varginha, Caio Oliveira, abriu o evento destacando a importância da iniciativa para o fortalecimento da cafeicultura regional.

“Os dias de campo são desenvolvidos de forma estratégica junto aos grupos de ATeG e demais produtores da cafeicultura. Nosso objetivo é levar conhecimento, informação e demonstrar, na prática, o trabalho realizado pela técnica de campo e o supervisor. Seguimos firmes e trabalhando muito para levar tecnologia, inovação e desenvolvimento ao meio rural”, explicou.

ATeG agregando valor aos produtores

Durante o evento, a técnica de campo Jennifer Stefani Meira da Silva apresentou avanços alcançados com um grupo de 26 produtores. Entre as iniciativas destacadas, a construção de microterraços e o banquetamento das lavouras foram fundamentais para facilitar o manejo dos talhões, além do aprimoramento do controle de doenças através de um manejo eficiente e monitoramento constante, com ênfase na gestão da Mycodiplosis entre as safras de 2021/2022 e 2022/2023, o que resultou em plantas mais saudáveis e uma diminuição nas perdas produtivas.

Ela enfatizou a importância do fortalecimento da marca dos produtores e da qualificação dos cafés, que têm permitido acessar novos mercados e ser reconhecidos pela qualidade de seus produtos. “É extremamente gratificante ver o reconhecimento do ATeG como um diferencial significativo para eles. Um cafeicultor destacou isso na embalagem do seu novo produto, o que é um grande motivo de orgulho para nós. Este cafeicultor alcançou 82,3 pontos no concurso de Cupping ATeG Café + Forte. O Dia de Campo reforça temas importantes, como comercialização e vendas, o que, além de motivá-los, também os deixa mais preparados para o mercado”, explicou a técnica.

Rótulo de café destacou o trabalho do Programa ATeG Café+Forte com o produtor

Saúde e segurança no campo

O cafeicultor Marcelo Ednei, atendido há quase dois anos pelo ATeG, destacou a atenção especial que o Sistema Faemg Senar dedica à saúde e ao bem-estar dos produtores rurais. Em uma parceria com a Ihara, foi tomada uma medida de segurança significativa: a distribuição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) a todos os participantes.

"O que realmente me impressionou foi ver a preocupação com nossa saúde, nunca vi outra instituição fazer algo parecido. Gostei muito da iniciativa de distribuição dos EPIs e de ensinarem como usá-los corretamente. Isso mostra que, além de nos fornecer ferramentas para aumentar a produção, o Sistema Faemg Senar também quer garantir que estejamos seguros e protegidos enquanto trabalhamos. Estou muito grato por tudo isso”, destacou Marcelo.

Ação da Ihara focou em EPIs

“Sistema Faemg Senar é nota 10”

Para o produtor Joaquim Hermogenes Neto, “tudo que o Sistema Faemg Senar faz é nota 10”. “Quando é o Sistema que organiza, já sabemos que será excelente. A oportunidade de nos reunir e encontrar outros produtores que compartilham das mesmas realidades é incrível. Além disso, eles oferecem ensinamentos que muitas vezes não percebemos a importância no nosso dia a dia, devido à rotina de trabalho. O Sistema compreende nossas necessidades e organiza tudo de maneira que possamos aprender e retornar às nossas lavouras mais preparados. No campo, vemos claramente os resultados positivos”, contou.

“Foi uma experiência extremamente gratificante. Juntos, compartilhamos momentos de aprendizado, troca de experiências e confraternização. Nós, do Sindicato Rural de Pouso Alegre, expressamos nossa profunda gratidão a todos os envolvidos por seu apoio fundamental neste evento enriquecedor”, finalizou a agente de desenvolvimento rural do Sindicato Rural de Pouso Alegre, Angelita Cruz.

Diversidade de conhecimento

Os produtores participaram de quatro estações:

• Tenda 1: Comercialização do Café da Agricultura Familia: liderada por Bruno Manoel Rezende de Melo, representante do Instituto Federal Inconfidentes e instrutor do Sistema Faemg Senar, que focou em estratégias para comercializar café de pequenos produtores.

• Tenda 2: Segurança na Aplicação de Defensivos: com Elton Rafael Galles, da Ihara, que explorou as melhores práticas para uso seguro de defensivos agrícolas.

• Tenda 3: Pulverização com Drone na Cafeicultura: apresentada por Mariana Diniz da AGROTECH Pulverização Agrícola, que destacou as vantagens dessa tecnologia na aplicação de produtos fitossanitários.

• Tenda 4: Saúde Mental na Zona Rural: conduzida por Welington Maikon, da Una, que abordou a importância do bem-estar mental dos agricultores.

O evento foi realizado pelo Sistema Faemg Senar em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Pouso Alegre, as prefeituras de Congonhal e Senador José Bento, Comercial Agrícola Santos, Ihara e Sicredi Conexão. Após o seminário, todos os participantes prestigiaram um delicioso jantar ao som de uma banda local.

O gerente regional Caio Oliveira (à esquerda, na ponta) e profissionais ligados ao Sistema Faemg Senar e ao Sindicato no evento
}