Conheça o INAES

O INAES (Instituto Antonio Ernesto de Salvo) é uma associação civil sem fins lucrativos, dedicada ao desenvolvimento, pesquisa e inovação de sistemas produtivos. Atua em parceria com instituições públicas e privadas para fomentar a evolução das cadeias do agronegócio.

Projetos Estudos e Publicações
Editais

Pesquise todos os editais emitidos pelo SISTEMA FAEMG (FAEMG, SENAR, INAES e Sindicatos).

Compartilhe

Workshop capacita implementadores

RECUPERAÇÃO AMBIENTAL
ESCRITO POR IZAMARA ARCANJO E TAMIRES MOUSSLECH ANDRADE PENIDO
20/11/2023 . SISTEMA FAEMG, SENAR, INAES

Encontros, realizados em parceria com a Cargil, vão resultar em protocolo de boas práticas na execução de projetos 

de recuperação de passivos ambientais

Implementadores de projetos de recuperação de passivos ambientais participaram no mês de novembro do I Workshop de Treinamento de Boas Práticas, realizado de forma virtual e desenvolvido pelo Sistema Faemg Senar em parceria com a Cargill. O evento reuniu 22 parceiros de dez estados do Brasil, além do Distrito Federal.

O objetivo da Cargill é criar iniciativas para restaurar 100 mil hectares de áreas de Reserva Legal ou Áreas de Proteção Permanente (APPs) nos próximos cinco anos e auxiliar produtores rurais a fazer a regularização ambiental em suas propriedades.

De acordo com o gerente de Sustentabilidade da Cargill, Raphael Lemes Hamawaki, além de incentivar ações sustentáveis, é preciso engajar todos da cadeia de suprimentos da empresa. É isso que a Cargill tem feito ao renovar seu compromisso com uma agricultura sustentável no Brasil, com foco em preservação ambiental e, ao mesmo tempo, desenvolvimento e resultados econômicos. “Esse é um projeto adicional que iniciamos com o Sistema Faemg Senar devido aos esforços, boas entregas e performance do Agro + Verde. É por isso que selecionamos o Sistema para liderar esse novo desafio", observou.

Rafael Lemes avaliou que se trata de um programa inovador em que todos os parceiros estão aprendendo juntos a fim de concretizar um projeto de grande envergadura, que vai resultar na elaboração de um protocolo de boas práticas. “Esse protocolo surge como uma demanda dos próprios implementadores visando ao desenvolvimento e aprimoramento de metodologias e processos. Além de alinhar processos administrativos e burocráticos, o documento pretende desenvolver um conjunto de práticas em comum para trabalharmos todos da mesma forma”, afirmou o gerente.

Para o vice-presidente de Finanças do Sistema Faemg Senar e presidente do Inaes, Renato Laguardia, é motivo de orgulho ser referência para a Cargill no Brasil. “A empresa percebeu a nossa capilaridade e o trabalho desenvolvido pelo Inaes por meio de seus colaboradores. Liderar o projeto de implementadores é uma honra para nós”, avaliou Laguardia.

 

Presidente do INAES, Renato José Laguardia de Oliveira, expressando a dedicação da empresa em promover práticas sustentáveis.

Harrison Belico, Gerente de Planejamento e Controle do Sistema Faemg Senar, destacou a relevância da parceria para impulsionar iniciativas de recuperação ambiental que apoiem e desenvolvam as atividades dos produtores rurais. “O sucesso do trabalho está embasado em três pilares. O primeiro pilar é, ter envolvimento de uma empresa tão sólida como a Cargill que acredita e incentiva financeiramente este projeto. O segundo pilar é a credibilidade do sistema Faemg Senar junto ao produtor rural e, por último, o terceiro pilar é o engajamento da equipe, que com certeza consegue alcançar resultados efetivos e eficazes.”                            

Expertise metodológica do Senar Minas

A primeira apresentação durante o workshop foi feita pelo Superintendente do Senar e Gerente Executivo do Inaes, Celso Furtado Jr., que compartilhou informações sobre o Diagnóstico Rápido Participativo (DRP), método utilizado para identificar as principais demandas dos implementadores em relação à execução de projetos de recuperação e restauração ambiental.

O DRP advém da pesquisa rural, visando à compreensão da realidade local, a partir da participação ativa dos indivíduos em um processo reflexivo, que busca a descoberta de possíveis soluções para os problemas encontrados.

“O workshop com implementadores de projetos da Cargill no Brasil representa um novo passo para o fortalecimento da nossa parceria. Por outro, demonstra que a Cargill reconhece nossa metodologia de trabalho e resultados já alcançados na 1ª fase no projeto de recuperação de áreas de preservação permanente e reserva legal na bacia do Rio Tijuco – no triângulo mineiro. Iniciamos com 30 produtores numa iniciativa piloto e a 2ª fase deverá incorporar mais 170", reforçou. 

 

Superintendente do SENAR e Gerente Executivo do INAES, Celso Furtado Júnior, compartilhando insights sobre a técnica do DRP.

Durante o evento, os implementadores ainda se apresentaram individualmente e compartilharam suas experiências, detalhando desafios, gargalos e pontos fortes em seus empreendimentos, o que embasou a aplicação do método DRP. A troca de informações ajudou a identificar as principais dificuldades e direcionar a capacitação presencial que terá foco em propor soluções práticas para superar os desafios enfrentados na implementação.

A próxima etapa do evento será a capacitação presencial, na sede em Belo Horizonte, no dia 19 de fevereiro de 2024 e proporcionará um treinamento robusto direcionado a solucionar as dificuldades apontadas.