Compartilhe


Público elege melhor queijo em novo festival no Triângulo

EVENTO
ESCRITO POR JULIANA FIDELIS, DE UBERABA
08/07/2024 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR, FAEMG

A primeira edição do Festival Queijo, Cachaça e Viola foi um sucesso. O Parque Fernando Costa, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, recebeu grande público, que elegeu os queijos Pedacin da Serra e Almeida Guimarães os melhores do festival. O evento, promovido pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), foi realizado nesse sábado (6/7). O festival contou com a parceria do Sistema Faemg Senar, que levou produtores rurais de queijo, cachaça, mel e farofa para apresentarem seus produtos.

(Foto: André Santos/ABCZ)

Um deles é Emílio Vieira Lopes Rosa, da Cachaça Pinheirinha, de João Pinheiro. “Participar de um evento como esse, em um recinto da ABCZ, é uma oportunidade única para aumentar o nosso mercado e trazer o nome para as pessoas conhecerem um pouco mais”, avaliou.

Frederico Alves Lima, da Lima Queijos Especiais, de Sacramento, também aprovou o festival. “Gostei muito de participar, uma oportunidade ímpar para mostrar e divulgar a nossa marca, que tem sete produtos”, disse.

Emílio Vieira Lopes Rosa trouxe a Cachaça Pinheirinha para o Festival

Ele já integrou o Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Sistema Faemg Senar, logo após a empresa iniciar as atividades, no final de 2021. “A assistência contribuiu muito para o crescimento da nossa empresa, com conhecimento técnico, orientações de gestão e de boas práticas de fabricação”, afirmou.

Concurso de Queijos

Durante o Festival Queijo, Cachaça e Viola, o Sistema Faemg Senar organizou a votação popular para eleger os melhores queijos. Depois de degustar os seis produtos que estavam na disputa, o público deu a nota por meio de um QR Code. Além da escolha popular, a decisão final passou por avaliação do júri técnico, composto por cinco especialistas. Ao todo, 233 visitantes participaram da votação do concurso, que contou com duas categorias: Queijo Minas Artesanal e Queijo Artesanal de Minas.

Avaliação dos queijos pelo júri técnico no Festival (Foto: André Santos/ABCZ)

A produtora Francielle Cristina Leite levou o primeiro lugar na categoria Queijo Minas Artesanal e afirmou que o reconhecimento foi importante para dar visibilidade ao produto Pedacin da Serra. “Fiquei muito feliz. O público passa a conhecer mais o nosso queijo”, afirmou Francielle, da cidade de Medeiros, na Serra da Canastra.

“O público se envolveu e teve grande interesse em conhecer mais sobre os queijos. Os produtores ficaram felizes em participar do concurso e também comercializaram bastante. Esperamos fazer um grande festival no próximo ano”, avaliou a analista de ATeG do Sistema Faemg Senar, Paula Lobato.

O gerente regional Ricardo Tuller ressaltou que a primeira edição já demonstrou que o festival veio para integrar o calendário de eventos da região. “Foi um sucesso, uma vitrine para o grupo de produtores que veio para o festival. O público marcou presença e aproveitou para conhecer um pouco mais sobre os produtos de qualidade que temos em nossa região. Para o próximo ano, vamos trabalhar para ter mais produtores de queijo nesta competição”.

Gerente regional Ricardo Tuller ao lado do presidente da ABCZ, Gabriel Cid (Foto: André Santos/ABCZ)

O Festival Queijo, Cachaça e Viola também contou com o 1º Encontro e Concurso de Violeiros Amador e Mirim, que teve o objetivo de valorizar novos talentos da música caipira.

Conheça os vencedores do Festival:

Categoria Queijo Minas Artesanal
1º lugar – Pedacin da Serra – Francielle Cristina Leite
2º lugar – Chapadão da Zagaia – Edmar Tôrres
3º lugar – Queijaria 3 Irmãos – Reginaldo de Assis Castro

Categoria Queijo Artesanal de Minas
1º lugar – Queijos Almeida Guimarães – Adriana Maria de Almeida

Francielle Cristina Leite levou o primeiro lugar na categoria Queijo Minas Artesanal (Foto: André Santos/ABCZ)
}