Conheça o SENAR

O SENAR MINAS (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Administração Regional de Minas Gerais) é responsável pela capacitação profissional e promoção social do produtor, do trabalhador rural e seus familiares.

Cursos

O SENAR MINAS oferece mais de 300 cursos nas áreas de Formação Profissional Rural e Promoção Social, gratuitos e voltados para capacitação e qualidade de vida do produtor e trabalhador rural e suas famílias.

Instrutor Mobilizador Licitações Transparência Arrecadação Centro Exc. Cafeicultura
Compartilhe


Premiação do programa ATeG Balde Cheio marca o início do Festival do Queijo Artesanal de Minas

FESTIVAL DO QUEIJO ARTESANAL DE MINAS
ESCRITO POR ASCOM
09/06/2023 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR, INAES, FAEMG

Com um auditório lotado, quem estava presente no primeiro dia do Festival do Queijo Artesanal de Minas ainda pode acompanhar de perto o 1º Encontro Técnico ATeG Agroindústria e ATeG Balde Cheio. Nos dois eventos, técnicos dos programas e produtores rurais tiveram a oportunidade de aprimorar conhecimentos e discutir sobre o setor da pecuária leiteira.  Os participantes ainda puderam acompanhar a 2ª Premiação do ATeG Balde Cheio, que contemplou 15 produtores, três técnicos e três supervisores. As iniciativas tiveram como objetivo aproximar participantes, produtores e técnicos, valorizando o trabalho realizado por eles.

A gerente de Assistência Técnica e Gerencial do Sistema Faemg Senar, Nathalia Rabelo, afirmou que essa edição do festival superou todas as expectativas e que os conhecimentos agregados serão valiosos para todos os envolvidos. “O evento proporcionou um momento único de aprendizado e valorização do trabalho dos produtores, além de ter sido um divisor de águas para o programa agrícola. Nosso encontro trouxe algumas falas mais técnicas e aproximou os participantes para dentro do Sistema Faemg Senar. Isso faz com que desperte, em todo mundo, um sentimento de pertencimento. A nossa intenção era essa e superou a expectativa”, comemora. De acordo com Paula, os produtores ainda saíram do evento como multiplicadores de informação.

Os Programas de Assistência Técnica e Gerencial, ATeG Agroindústria e ATeG Balde Cheio, oferecem capacitação técnica e acompanhamento personalizado aos produtores de queijo e leite, com o objetivo de melhorar a qualidade dos produtos e aumentar a competitividade no mercado. Os técnicos dos programas trabalham diretamente com os produtores, orientando sobre as melhores práticas de higiene e segurança alimentar, manejo do gado, cuidados com o meio ambiente e outras questões importantes para a produção de queijos e leite de alta qualidade.

Premiação

A premiação do ATeG Balde Cheio foi destaque no seminário, no qual foram premiados produtores rurais, técnicos e supervisores pelo bom desempenho em cinco categorias. A importância de valorizar quem obtém bons resultados foi ressaltada, motivando os participantes a produzirem ainda mais. De acordo com Bruno Rocha de Melo, gerente executivo técnico do Sistema Faemg Senar, “o encontro permitiu uma troca de experiências entre os envolvidos, contribuindo para o desenvolvimento da pecuária de leite e agroindústria. Para os supervisores, em especial, a oportunidade de refletir fora da rotina diária pode ajudá-los a identificar soluções para problemas que podem passar despercebidos no dia a dia. O evento trouxe uma formação complementar valiosa, que pode ser aplicada diretamente no trabalho de cada participante e ajudar na evolução pessoal e profissional de todos”, avalia.

O presidente do Sistema Faemg Senar, Antonio Pitangui de Salvo, encerrou o encontro com uma mensagem direta e inspiradora para os presentes. Ele afirmou que a transformação do campo depende de todos e que os produtores rurais podem contar com a ajuda do Sistema Faemg Senar e outras entidades parceiras, para alcançar melhorias em sua renda e qualidade de vida. “Para isso, é necessário ter vontade de fazer bem-feito e trabalhar unidos em prol de objetivos comuns.” O presidente concluiu agradecendo aos técnicos, supervisores e colaboradores presentes, reiterando que a Faemg está ao lado dos produtores e que juntos é possível construir um futuro mais próspero para todos.

Confira o resultado:


Propriedades com produção de até 50 litros de leite/dia:

1º: Geraldo dos Reis Arantes - Sítio São Geraldo (ER03)

2º: Rubens Vilas Boas - Sítio Barra Grande das Canoas

3º: Ormeu Pereira de Paula - Sítio Jomarques

 

Propriedades com produção de 51 a 100 litros de leite/dia:

1º: Odilei Oliveira Chaves - Fazenda Pindaíba

2º: Sebastião Airton Arantes - Sítio Conquista

3º: Laura Cristina de Melo Caixeta - Fazenda Alagoas

 

Propriedades com produção de 101 a 200 litros de leite/dia:

1º: Aloísio Antônio Ramos - Fazenda Lagoinha

2º: Euripedes Pedro - Fazenda Nova Esperança

3º: Rogério Rufino Andrade - Agropecuária H1

 

Propriedades com produção de 201 a 400 litros de leite/dia:

1º: Joaquim Domício da Silva - Sítio Mamonal

2º: Henrique Gonçalves de Carvalho - Sítio Pinta Pau

3º: Rodrigo Antônio Gonçalves - Fazenda Contendas - Sítio Marciano

 

Propriedades com produção acima de 401 litros de leite/dia:

1º: Maria Gabriela Rodrigues - Fazenda Lagoa Formosa

2º: Denilton Vieira Diniz - Sítio Boa Esperança

3º: Vicente Severino Neto - Fazenda Vertente Grande

 

Técnico Destaque:

1º Lugar Jean Carlos Bittencourt Furtado

2º Lugar Pablo de Oliveira Motta

3º Lugar Aleksson Sandro Catone Rogério júnior

 

Supervisor Destaque:

1º Lugar Leonardo Cotta Quintão

2º Lugar Alexandre da Silva Prado

3º Lugar Lucas Leocádio Pereira da Silva

 

 

}