Compartilhe

Exposição de peças sacras em fibra de bananeira

ARTESANATO
ESCRITO POR DENISE BUENO, DE PASSOS
05/10/2021 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR

Uma exposição com 62 imagens de Nossa Senhora vai marcar o evento “Todas as Nossas Senhoras são a mesma Mãe de Deus”, em 12 de outubro, na Capela Bom Jesus dos Aflitos, em Delfinópolis. O projeto é do médico e produtor Adauto de Castro Soares, com o apoio do grupo Arteiras da Canastra. As artesãs, que criaram as imagens exclusivas em fibra de bananeira, foram capacitadas pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES. 

A exposição teve o nome inspirado pela música de Roberto Carlos “Todas as Nossas Senhoras”. Entre as imagens, um dos destaques é a de Nossa Senhora Aparecida, em tamanho natural. As artesãs trabalharam por três meses para esta exposição, que será a primeira exposição temática do grupo.

“Não podemos reclamar. Mesmo neste período tão difícil para todos, produzimos muito. Além das peças exclusivas da exposição, atendemos nossos clientes e lojistas e continuamos as nossas capacitações pelo Sistema FAEMG, o que é muito importante para o nosso aperfeiçoamento”, disse Carina Melo.

Exposição

Devoto de Nossa Senhora Aparecida, Adauto Soares promove uma caminhada peregrina todos os anos entre a Capela do Bom Jesus dos Aflitos, construída no Camping e Pousada do Claro, de sua propriedade, e a Igreja de Nossa Senhora das Graças, no bairro Vale da Guarita. A trajetória, denominada “Da Aflição a Graça”, tem 26 quilômetros. Devido à pandemia, o evento não ocorreu em 2020. “Se tudo estiver bem, realizaremos a caminhada neste ano”.  

O trajeto, na Serra da Canastra, é repleto de atrativos naturais para um encontro consigo mesmo, com a fé e com a superação de limites. No percurso, que dura de seis a sete horas, o peregrino encontra casebres históricos, cenários bucólicos, mirantes, poços naturais e cachoeiras.

Pela primeira vez, Adauto organiza a exposição “Todas as Nossas Senhoras são a mesma Mãe de Deus”, pensada para aqueles que não podem participar da caminhada. “Os eventos não têm fins lucrativos. São uma demonstração da minha fé, respeito e admiração à Nossa Senhora”. As peças produzidas pelas talentosas artesãs serão doadas após a exposição. 

Arteiras

As integrantes do grupo Arteiras da Canastra foram capacitadas pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES para a utilização do subproduto da bananeira: as fibras. O material é abundante no município, que é o segundo maior produtor da fruta de Minas Gerais. 

O curso de Fibras Naturais Flexíveis ensinou a dar um destino ao subproduto, criar uma identidade artesanal para o município e gerar empregos. As artesãs abraçaram a causa e foram desenvolvendo a arte com o apoio do SENAR e, posteriormente, do SEBRAE.  

Seus produtos foram apresentados ao mercado pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES na feira “Conexão: Sabor, Arte e Negócio”, promovida em Passos em outubro de 2019. Desde então, continuam se aperfeiçoando e participaram de feiras até a restrição dos eventos, em 2020.

Neste mês, elas começaram uma nova capacitação pelo Sistema FAEMG/SENAR/INAES, o PROGEARTE, que será concluído com uma feira em dezembro.

Programação da exposição “Todas as Nossas Senhoras são a mesma Mãe de Deus”