Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

ATeG para cafeicultores chega a Capetinga

ATEG CAFÉ + FORTE
ESCRITO POR DENISE BUENO, DE PASSOS
20/05/2022 . SISTEMA FAEMG, SINDICATOS, SENAR

Produtores rurais de Capetinga participaram na noite da última quarta (18) da primeira reunião do Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Café+Forte, na sala de reuniões da Câmara Municipal.

Produtores ouvem o gerente regional Rogger Miranda

O primeiro grupo de produtores do município será atendido pelo técnico Nicolas Bêdo Teodoro de Paula. A reunião foi acompanhada pelo presidente do Sindicato Rural, José Luís da Silva Neto, e os trabalhos foram conduzidos pelo gerente da Regional de Passos, Rogger Miranda Coelho. A mobilizadora Simone Nítoni Maia Ferreira, que mobilizou o grupo, também participou da reunião.

Para José Luís, o Programa será um divisor de águas para a cafeicultura no município. “Assumimos o Sindicato em outubro de 2020 e, naquele momento, sabíamos do potencial de transformação do ATeG e queríamos implantá-lo em Capetinga. Nosso município possui excelente terroir, porém falta informação e tecnologia para que os produtores possam desenvolver um trabalho de excelência e alcançar resultados acima da média. Com o ATeG, creio que possamos mudar o panorama de Capetinga, transformar a cafeicultura e colocar nossa cidade de uma vez por todas no mapa dos cafés especiais”.

A partir da esquerda: a mobilizadora Simone; o presidente do Sindicato, José Luís; o técnico de campo Nícolas; e o gerente regional Rogger

O agrônomo e técnico de campo Nicolas ressalta que o município tem dois perfis de produtores: os novos, que entraram na cafeicultura agora, e os tradicionalistas. No entanto, este último grupo enxerga a necessidade de mudança para se adequar ao novo momento do mercado, principalmente na gestão dos custos. “Os produtores estão cada vez mais abertos à mudança. Vamos levar confiança a eles para entenderem o quanto o programa é importante”. Nicolas também ressalta que os produtores enfrentaram dois períodos difíceis com a seca e com a geada de 2021, o que afetou a produtividade das lavouras.  

O produtor Aparecido dos Reis Costa, o Cidinho, do Sítio Três Barras aguarda a primeira visita do técnico com a melhor das expectativas. “Espero colher bons frutos com essa parceria com o SENAR e quero contribuir com o técnico Nicolas para obtermos resultados positivos e, juntos, retribuir o apoio do Sistema FAEMG”.