Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Meio Ambiente

Acesse informações técnicas sobre a gestão ambiental na atividade agropecuária em Minas Gerais.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Importação de lácteos

PECUÁRIA
ESCRITO POR ASCOM
25/02/2021 . SISTEMA FAEMG, FAEMG
Eduardo Pena

FAEMG pede transparência

Durante a reunião extraordinária da Comissão Nacional de Bovinocultura de Leite da CNA, o presidente da Comissão Técnica de Pecuária de Leite do Sistema FAEMG, Eduardo Pena, pediu à CNA para pleitear, junto à Secretaria de Comércio Exterior (SECEX) e ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), acesso às informações das Licenças de Importação (LI) do leite procedente do exterior. 

“A partir do momento em que a CNA e as Federações tiverem conhecimento da quantidade de pedidos de importação do leite em pó, conseguiremos fazer uma previsão dos problemas que vão ser gerados no setor. Se, em um mês, houver um pedido muito grande de importação, poderemos prever o volume que está para entrar no país, o que permitirá o planejamento mais adequado para o cenário. A nossa meta é, também, avaliar se a importação será apenas prejudicial aos produtores ou se trata de uma importação necessária”, disse Eduardo Pena.

“O nosso pleito é ter a informação. Na Argentina o setor tem acesso a esse tipo de informação. Não nos interessa saber quem está pedindo para importar, mas saber o que está para entrar no nosso mercado. A Comissão Nacional achou o pedido válido e a OCB (Organização das Cooperativas do Brasil), ficou de interceder junto a SECEX para que a CNA tenha acesso a estes dados”, afirmou Eduardo Pena.