Conheça a FAEMG

A FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais) defende os interesses dos produtores rurais do estado.

Crédito Rural

Veja informações sobre os financiamentos destinados aos produtores rurais, cooperativas ou associações para fomentar a produção e comercialização de produtos agropecuários.

Informações Jurídicas

Acesse os documentos disponibilizados pela Assessoria Jurídica para auxiliar os produtores rurais.

Contribuição Sindical
Leiloeiros Rurais

Veja todas as informações sobre os leiloeiros rurais do estado de Minas Gerais.

Compartilhe

Programa mostra que Salinas combina com cachaça e aperitivos

TURISMO RURAL
ESCRITO POR IZABELLA MACHADO, DE ARAÇUAÍ
17/05/2022 . SISTEMA FAEMG, SENAR

“Assim como muita coisa acaba em pizza, posso dizer que, em Salinas, tudo acaba em cachaça”, disse a instrutora Gal Bernardo, ao contar um pouco sobre o Programa Agente de Turismo Rural, ofertado pelo Sistema FAEMG no município. Já reconhecida como a “capital da cachaça”, Salinas mostrou variedade em artesanato e gastronomia, sem deixar de lado as belas propriedades rurais, promissoras para visitação. “Um modelo em franco crescimento pós-pandemia, que propõe menos aglomeração e uma experiência mais íntima com a natureza”.

Durante o programa, formaram-se 13 agentes de turismo rural e foram desenvolvidos nove roteiros, todos eles valorizando a cachaça, mas entregando alguns “aperitivos” dentro do município. “A intenção é trabalhar roteiros que permitam ao turista ficar mais tempo no destino e, consequentemente, injetar mais recursos na região”, disse a instrutora.

A gestora da Instância de Governança Regional Circuito Turístico da Cachaça, a turismóloga Eurika Guimarães refletiu sobre o significado do turismo rural. “Pensar nessa modalidade é propor a sustentabilidade que tanto se busca na atividade turística”. Eurika já atua na área, mas confessa que o Programa Agente de Turismo Rural somou muito em sua carreira. “Ter feito parte, por meio do Sistema FAEMG, entidade que prima pelo desenvolvimento dos projetos rurais, com certeza será um divisor de águas no trabalho que já desenvolvo”.

“É fundamental pensarmos que, para realmente fazer a diferença, é necessário que os alunos deem continuidade à carreira. O aprimoramento é contínuo e o próprio Sistema FAEMG oferece capacitações. Salinas tem um potencial imenso, e os agentes devem saber desfrutá-lo, contribuindo com o município e também gerando renda para cada um deles”, disse o gerente regional em Araçuaí, Luiz Rodolfo Antunes Quaresma.

Potencial

A partir de agora, a turma está com um projeto conjunto, que pretende acompanhar os turistas em diversas frentes.

Motocross, cavalgada e ciclismo são alguns dos esportes que Ronaldo Rodrigues de Carvalho pretende explorar após o curso. “Quase paramos e agora queremos aumentar a nossa renda. Também vejo o Rio Jequitinhonha com muito potencial para canoagem e utilização de barco e canoa”.

Já Tatiana de Figueiredo Couto tem um comércio às margens da barragem de Salinas e pretende investir mais no empreendedorismo rural. “Quero melhorar a recepção dos turistas e colocar em prática as nossas comidas coloniais”.